Página Inicial Notícias EntretenimentoEsportesSaúdeTecnologiaGaleria de Imagem
Buscar
      



Notícias
Notícias
Esportes
Negócios
Destaques
Brasil
Mundo
Cultura
Saúde

Serviços
Guia comercial
Classificados

Entretenimento
Mural de Recados
Bate Papo



Untitled Document
Enquetes
Gilmar Mendes declara que a passeata da liberação da maconha , foi muito bem “baseada” por ele
Uma vergonha
Achei otimo
Deve ser punido
O estado ta perdido
O STF dever ser reformulado
Outros


Ver resultados
 
 
notícia publicada em 12/08/2011
Aplicativo Cartas da Esperança para iPhones/iPods touch ajuda crianças tratadas no Hospital de Câncer de Barretos

Hospital do cancer de Barretos
Jornalista Nasser Imprimir  
 
 Créditos da Foto: Agencia Press 
A Just Works, empresa especializada no desenvolvimento de sites e lojas virtuais, criou o aplicativo Cartas da Esperança: um jogo virtual de cartas feitas com 35 imagens pintadas por crianças e jovens atendidos pelo Hospital de Câncer de Barretos. Parte da renda de sua comercialização será destinada ao Hospital de Câncer de Barretos. O aplicativo foi desenvolvido inicialmente para Iphones e Ipads, e em breve, ganhará versão para desktop.


Serão lançadas várias coleções de cartas, mas por enquanto, esta disponível a coleção com o tema Animais.Similar ao Super Trunfo (um jogo de popular nos anos 80), o Cartas da Esperança também baseia-se na comparação de atributos do objeto ou personagem presentes em que cada carta. Vence a rodada quem tiver a carta de maior valor e para ganhar o jogo é necessário obter todas as cartas do adversário. O aplicativotambém traz informações e fotos sobre o autor do desenho, além de informações preventivas e sintomas de diversos tipos de câncer. “É uma forma divertida de saber mais sobre a doença, e de quebra, contribuir com o tratamento dessas crianças”, afirma Alexandre Cruz, diretor da Just Works e autor do projeto.

O aplicativo possui ainda uma seção de imagens com fotos das crianças envolvidas no projeto no momento em que estavam pintando os desenhos. “Todas estão muito orgulhosas por seu trabalho estar disponível para todo o mundo”, ressalta Cruz. Na seção loja, serão disponibilizados periodicamente novos jogos, coleções e novos poderes, para que o jogador possa melhorar o seu desempenho e contribuir com o hospital naaquisição dos produtos do Cartas da Esperança. Já no lançamento, está disponível um poder especial que aumenta as chances de ganhar e deixa o jogo da primeira coleção mais divertido.

Também está presente no aplicativo uma seção com vídeo institucional, informações sobre o Hospital de Câncer de Barretos e do seu Diretor Geral, Henrique Prata.

O app traz cartas com imagens desenhadas pelas próprias crianças atendidas no hospital, falando muito não só sobre elas, mas também sobre os diferentes tipos de câncer, sintomas, tratamentos e muito mais. É uma forma divertida de se informar/educar mais sobre a doença, e de quebra você contribui com o tratamento dessas crianças.

O Cartas da Esperança para iOS foi desenvolvido com muito carinho e atenção, levando a realidade de várias crianças que lutam contra o câncer ao alcance de todos. Você pode entender melhor essa realidade, pode ajudar o Hospital de Câncer de Barretos a tratar dessas crianças.

O aplicativo consiste em desenhos pintados pelas crianças que estão em tratamento no Hospital de Câncer de Barretos; no primeiro baralho foram 35 desenhos, que são utilizadas no primeiro jogo de vários que vão ser agregados ao Cartas da Esperança. Seu toque faz a diferença, ajude essa causa, compre o aplicativo, faça propaganda, comente com amigos e familiares espalhe essa ideia,vamos nos unir para uma causa maravilhosa.
Conheça os aplicativos dando um click aqui
E aqui voce entra no site do Hospital do cancer de Barretos


 
Oriente Medio
Fronteira aberta Após quatro anos, Egito reabre fronteira...
Crime organizado
O que é o crime organizado
Escravidão
O trabalho escravo no Brasil
Nutrição
Não indicado para crianças! E nem para adultos.

 Todos os direitos reservados a Agencia Press: A noticia acima de qualquer suspeita